30 de março de 2009

Queimando calorias

TIRANDO A ROUPA
Com o consentimento dela …………………………. 10 Cal
Sem o consentimento dela …………………………. 190 Cal

ABRINDO O SUTIÃ
Com as duas mãos ……………………………………… 8 Cal
Com uma mão …………………………………………. 32 Cal
Com uma mão, sendo espancado por ela ………….107 Cal

COLOCANDO A CAMISINHA
Com ereção ……………………………………………….. 6 Cal
Sem ereção …………………………………………… 644 Cal

NA HORA DA TRANSA
Tentando encontrar o clitóris ……………………… 12 Cal
Tentando encontrar o ponto G …………………….. 13 Cal
Tentando fazer ela virar ……………………………. 348 Cal

POSIÇÕES
Papai e Mamãe ………………………………………… 12 Cal
Frango Assado ………………………………………….. 20 Cal
Peão do Boiadeiro ……………………………………… 89 Cal
69 deitado ………………………………………………. 10 Cal
69 em pé ………………………………………………. 912 Cal

APÓS O ORGASMO
Ficar na cama abraçadinho ………………………….. 18 Cal
Virar de lado……………………………………………. 36 Cal
Explicar para ela por que virou de lado………….. 814 Cal

TENTANDO DAR A SEGUNDA
Se voce tem de 16 a 19 anos ………………………..12 Cal
Se voce tem de 20 a 29 anos ………………………. 38 Cal
Se voce tem de 30 a 39 anos ……………………..  112 Cal
Se voce tem de 40 a 49 anos ……………………… 326 Cal
Se voce tem de 50 a 59 anos ……………………..1.403 Cal
Se voce tem acima de 60 anos ………………….. 2.926 Cal

COLOCANDO A ROUPA
Colocando a roupa calmamente ……………………. 32 Cal
Com pressa de se mandar ……………………………. 96 Cal
Com o marido dela batendo na porta…………… 2.438 Cal

Rá!

26 de março de 2009

Elas dizem: "Nerds mandam bem"

Ainda tenho esperanças de que haja garotas lendo isso....



"Mel diz:
ô meu, nerd sempre manda bem.

KF diz:
sempre.

Mizinha diz:
eles vêem muitos filmes pornô e aprendem.

Mel diz:
além dos filmes, tem todo aquele potencial sexual guardado. Ninguém sabe, eles ficam quietinhos atrás do monitor e as meninas nunca sabem do que eles são capazes.

KF diz:
ha ha, tolas.

Mizinha diz:
pois é....... hihihi

Mel diz:
hehehe, pois é! tem q descobrir o potencial atrás dos óculos!

Mizinha diz:
eu descobri faz tempo.

KF diz:
cara, repara.

Mel diz:
=) eu tb. meus melhores "amantes" eram nerds

KF diz:
eles todos têm altas caras de tarados e ficam olhando meio por trás dos óculos.

Mizinha diz:
os mais pervertidos.

KF diz:
SIIIIM!

Mel diz:
vou fazer um post "nerds mandam bem"

Mizinha diz:
os nerds são o melhor partido para mulheres inteligentes e exigentes, desde que não seja no quesito "troféu barriga de tanque". eles entendem nossa obsessão pelo msn, nos ajudam a consertar o computador, sabem conversar sobre diversos assuntos e ainda manda bem na cama, com direito a brinquedos de sex shop e fantasias. será que é porque nerd não tem nada a perder? =D

Mel diz:
bom, primeiro que os caras passaram a vida inteira sem comer ninguém. vesúvio total. e são todos pervertidos. e dizem coisas como "say my name, bitch" e fazem boas piadas e bons trocadilhos. e entendem nossas piadas idiotas, isso é muito importante. infâmia rocks.

KF diz:
eu odeio barriga de tanque. odeio. eu curto barriguinha de cerveja. eu disse BARRIGUINHA. tenho nojo de músculos, é sério. não consigo olhar diretamente para eles.

Mel diz:
eu inclusive me recuso a fazer abdominais n'acadmía.

Mizinha diz:
eu tb tenho nojo de músculos. nojo até de tocar neles, imagina ter que lambê-los. sem condição. a impressão q tenho é que os anos de abstinência dos nerds têm um efeito positivo no final: eles sofrem, mas depois "se vingam" agradando as mulheres e fazendo de tudo na cama. bem, quase tudo, hehe

KF diz:
ééé. a vingança dos nerds poderia ser um porn fodido. hehe

Mizinha diz:
hihihihi e já reparou q, estando na cama com um nerd, vc tende a fazer coisas q talvez não tivesse imaginado antes? eles são inspiradores, além de todas as outras vantagens!

Mel diz:
porra. já notei. tou falando, os caras aprendem tudo.

KF diz:
cara, estamos indo longe demais. vou postar tudo isso, mas só até aqui. hehe.

Mizinha diz:
é. daqui a pouco estaremos falando de posição e não vai pegar bem =D"

Peguei aqui

Breve dicionário sexual

A

Afrodisíacos

Termo técnico: Elementos que estimulam o desejo sexual e aumentam a potência sexual, como alimentos, perfumes e cremes específicos.

Traduzindo: Amendoim e Ovo de Codorna deixam o “danado” ainda mais ligado.

Agorafilia

Termo técnico: Tara por fazer sexo em lugares públicos.

Traduzindo: Rala e rola em locais como baladas, avenidas, clubes, etc.

Anorgasmia

Termo técnico: Falta de sensação de orgasmo.

Traduzindo: Falta de tesão.

B

Bissexualidade

Termo técnico: Atração física por indivíduos de ambos os sexos.

Traduzindo: Espada. Cortar para os dois lados.

Bukkake

Termo técnico: Prática de sexo em grupo de origem japonesa, onde vários homens ejaculam no rosto e na boca de uma mulher.

Traduzindo: Jato de cândida pra tudo quanto é lado.

C

Cachorrinho

Termo técnico: Posição sexual onde um dos parceiros se apóia nos joelhos e nas mãos, para a penetração vaginal ou anal.

Traduzindo: Existe a outra posição Cachorrinho, onde o parceiro (a) deita na cama, está com sono e finge de morto.

Celibato

Termo técnico: pessoa solteira, sexualmente abstinente.

Traduzindo: pessoa na seca.

Chupeta

Termo técnico: O termo chulo de sexo oral.

Coice de mula

Termo técnico: Prática sexual violenta, onde o homem dá um soco na nuca da parceira, que está de quatro, para que haja uma contração dos músculos da vagina ou do ânus e, conseqüentemente, aumenta o prazer de quem penetra.

Traduzindo: evite fazer esta prática.

Coito/Cópula

Termo técnico: o mesmo que relação sexual.

Traduzindo: transar.

Coito interrompido

Termo técnico: Ato sexual em que não há ejaculação dentro da vagina, pois o pênis é retirado antes do orgasmo.

Traduzindo: Algumas bombadas e nada mais.

Coprofagia

Termo técnico: Comportamento sexual em que a excitação é causada pela ingestão ou manuseio de fezes, antes ou durante o ato.

Traduzindo: Credo!

Coqueirinho

Termo técnico: Posição sexual em que o homem deita de barriga pra cima com o pênis ereto. A mulher encaixa a vagina como se estivesse agachando no pênis.

Traduzindo: Uma outra forma de cavalgar.

D

Dildo

Termo técnico: acessório que pode ser um pênis de borracha ou vibradores.

Traduzindo: o brinquedinho das horas vagas.

Dispaurenia

Termo técnico: Dor durante a penetração vaginal

E

Ejaculação precoce

Termo técnico: Ejaculação do homem em um curto período de tempo, logo após o início do ato sexual ou até mesmo antes.

Traduzindo: Coelhinho, gozar rápido.

F

Felação

Termo técnico: Prática do sexo oral

Traduzindo: “bola-gato” em inglês.

Fio-terra

Termo técnico: Ato sexual onde a mulher introduz o dedo no ânus do homem com a finalidade de aumentar o prazer dele.

Traduzindo: Gozo através do “botão”.

Frigidez

Termo técnico: Falta de apetite sexual.

Frotteurismo

Termo técnico: Ficar excitado e esfregar o órgão sexual em outras pessoas sem fazer penetração.

Traduzindo: Roça-Roça

Fornicar

Termo técnico: Relação sexual

G

Gerontofilia

Termo técnico: pessoas não idosas que sentem atração sexual por pessoas idosas.

Traduzindo: tara por coroas.

Glande

Termo técnico: Ponta do pênis

Traduzindo: a cabeça do pênis

Gozo

Termo técnico: O orgasmo.

Hemofagia

Termo técnico: Prazer sexual durante a menstruação.

Traduzindo: Salsicha com ketchup.

I

Impotência

Termo técnico: Quando, por uma série de fatores, o pênis não fica ereto no momento do ato sexual.

Traduzindo: Broxada.

J

Jorrar

Termo técnico e traduzindo: Quando o orgasmo do homem é mais intenso, sai em formato de jato.

L

Libido

Termo técnico: Desejo sexual.

M

Masturbação

Termo técnico: Método de excitação utilizando as mãos ou outros objetos com o objetivo de chegar ao orgasmo.

Traduzindo: bater punheta.

Ménage à tróis

Termo técnico: expressão de origem francesa, que simboliza o ato sexual entre três pessoas

Traduzindo: O sonho de muitos homens: fazer sexo com duas mulheres ao mesmo tempo.

N

Necrofilia

Termo técnico: apetite de fazer sexo com cadáveres.

Traduzindo: comer defuntos.

Ninfomania

Termo técnico: Mulheres que tem compulsão por sexo. Homens, com compulsão, “sofrem” de don-juanismo.

Traduzindo: aqueles que sobem pelas paredes quando não estão fazendo sexo.

O

Orgia

Termo técnico: Várias pessoas reunidas que fazem sexo com mais de dois parceiros.

Traduzindo: Suruba.

P

Polução noturna

Termo técnico: Ejaculação que ocorre durante o sono, causada por sonhos eróticos.

Traduzindo: Melar as cuecas.

Pompoarismo

Termo técnico: exercitar os músculos da vagina, a fim de torná-los fortes, para intensificar o prazer ao parceiro.

Traduzindo: musculação vaginal.

Retifismo

Termo técnico: Excitação causada pelo uso de sapatos.

Traduzindo: transar calçado(a)

S

Swing

Termo técnico: sexo entre casais trocados

Traduzindo: outra forma de suruba. Sexo Grupal.

Z

Zoofilia

Termo técnico: Relação sexual com animais.

Traduzindo: “comer tatu é bom, que pena que dá dor nas costas…”

Rehab

24 de março de 2009

Sabedoria ao se usar as palavras...

Cliquem na imagem..

23 de março de 2009

Até tu USP ...

23/03/2009

Mistério no campus da USP

da Folha Online

Há um mistério no campus da USP --e, por esse mistério, se vê como é difícil melhorar a educação pública, mesmo nas situações mais favoráveis.

Seria óbvio que a Escola de Aplicação da Faculdade de Educação, encravada no campus, cercada de tantos e tão magníficos recursos, tivesse um desempenho brilhante se comparada aos demais colégios da rede estadual. Ainda mais porque boa parte dos alunos daquela escola são filhos de funcionários e de professores.

Pinçando os números dos IDESP, notei que eles estão, no ensino médio, em 10º lugar numa lista apenas da cidade de São Paulo --volto a repetir, apenas da cidade.

O mistério se agrava porque não é um problema novo. Já escrevi sobre o péssimo exemplo que era uma faculdade de educação da mais renomada universidade do país gerenciar uma escola pública que não fosse uma das melhores do Brasil, mesmo comparadas com as privadas. Mesmo entre as públicas, não é a melhor nem no Estado nem na cidade --e nem na sua região dentro da cidade, onde é superada por colégios que não têm a chance de escolher seus alunos.

Por que, diante da repercussão das notícias em anos anteriores, não conseguiram fazer um esforço concentrado? Por que não envolveram outras faculdades dos campus? Por que não encontraram meios de transformar os laboratórios da USP em extensão de suas salas? Por que não envolveram voluntários entre os universitários?

Se na USP que é USP é assim, imaginem como estão as faculdades de educação no Brasil --e como o caminho para um bom ensino público é mais árduo do que se imagina.

Curioso é que acadêmicos daquela faculdade são chamados, pela mídia, para fazer críticas sobre a educação. Por que não começam a mudar a escola que gerenciam e que deveria servir de um laboratório para o resto do país? Ou, no mínimo, para seu bairro.

Como se vê no IDESP, lugares como muito menos recursos foram muito mais longe.

Coluna do Dimenstein.

22 de março de 2009

Tadinha ...

22/03/2009 - 11h09

"Há dois anos eu 'tô' sem sexo", diz Vera Fischer


Aos 57 anos, a atriz Vera Fischer lança sua segunda autobiografia, "Um Leão por Dia". A atriz falou à coluna Mônica Bergamo, na Folha deste domingo, sobre sua vida e carreira.

A íntegra da coluna Mônica Bergamo está disponível para assinantes do UOL e do jornal.

Rafael Andrade/Folha Imagem
Atriz Vera Fischer lança sua segunda autobiografia, "Um Leão por Dia"
Atriz Vera Fischer lança sua segunda autobiografia, "Um Leão por Dia"

"Eu era canastrona, eu era burra, eu era loura, eu era miss, eu era pornochanchadeira. Eu precisava sobreviver, eu tinha que ter dinheiro", disse Vera no início da entrevista, realizada na cobertura da atriz no Alto Leblon, no Rio.

"Eu nunca fui muito sexual. Eu sou o contrário de toda essa imagem que eles passaram. Tanto que me elegeram símbolo sexual de uma época. Eu nunca fui. Eu, por dentro, nunca fui. Sou uma pessoa de amar."

"Tô solteira desde o Marcos Paulo", diz a estrela, no ar como a Chiara de "Caminho das Índias", novela das 21h da Globo. "Não sinto falta de sexo, não sinto. Eu quero amar. Há dois anos eu tô sem sexo."

No livro, Vera fala da primeira transa --na areia da praia, feito um "bife à milanesa"--, dos concursos de beleza (ela foi miss Brasil em 1969), das pornochanchadas e dos homens de sua vida.

Ela também relata a perda do único irmão, Werner. "Liguei para minha mãe e qual não foi o meu choque quando ela me disse que meu irmão tinha morrido. Aquele menino louro, de 20 anos, sem ter tido tempo de viver a vida, amoroso, quietinho, estava morto", escreve. O pai de Vera cortava grama no jardim quando Werner chegou molhado da praia e pisou num fio desencapado. "Ficou grudado, gritando. Que cena dantesca!", relata a atriz na autobiografia.

A ex-miss lança a autobiografia nesta segunda (23), no Rio.

Here.

17 de março de 2009

O que mudou na Casa Branca ...

Era Bush:







Era Obama:



13 de março de 2009

10 de março de 2009

É cada uma...

Americano é preso após enfiar gato em cachimbo para fumar maconha

Suspeito disse à polícia que animal de estimação estava 'estressado'.
Segundo policial, animalzinho de apenas 6 meses ficou 'chapado'.

Um homem que tentou "desestressar" seu gato de estimação ao colocá-lo em uma espécie de cachimbo utilizado para fumar maconha foi preso e corre o risco de enfrentar um processo judicial nos Estados unidos.

No domingo (1º), policiais flagraram o suspeito, um jovem de 20 anos morador de Omaha, Nebraska, fumando maconha em um 'bong' - espécie de cachimbo que utiliza água para filtrar a fumaça da droga, semelhante ao narguilé. Dentro de uma caixa de 30 cm por 15 cm, estava o gato, uma fêmea de 6 meses batizada de Shadow (em inglês, sombra).

O suspeito, que deve responder pelo crime de crueldade contra animais, disse aos policiais que a gatinha estava estressada, e ele estava apenas tentando deixá-la mais calma. Shadow foi levada para um centro de cuidados para animais abandonados, e passa bem.

"Quando levamos Shadow para o abrigo, ela estava bem 'chapada'", brinca o sargento Andy Stebbing, responsável pela detenção do dono do animal. "Ela ficou no banco da frente do carro da polícia, deitada, com os olhos bem abertos, e não se mexeu durante todo o caminho", conta.

Fonte

9 de março de 2009

8 de março de 2009

"O aborto é mais grave que o estupro"?!?!? - Parte 2.

07/03/2009

É justo questionar dogmas católicos

Kennedy Alencar

A Igreja Católica é composta por homens e mulheres de carne e osso. Como toda instituição viva, seus dogmas merecem contestação de quem pertence aos seus quadros, de quem já pertenceu e de que não pertence. Os de fora têm o direito de opinar sobre as decisões de uma instituição poderosa e que influencia o debate público no mundo inteiro.

No Brasil, há separação entre Estado e igreja. Apesar disso, os religiosos se julgam no direito de criticar decisões legais, como o aborto de uma criança de 9 anos que foi estuprada. Ora, se podem meter o bedelho nas regras do Estado laico e democrático, podem também ouvir críticas aos seus dogmas e às suas regras.

Nesse contexto, é absurda a excomunhão dos médicos e da mãe da menina estuprada pelo padrasto. Pior, o arcebispo de Olinda e Recife, dom José Cardoso Sobrinho, disse que aborto é pior do que estupro. Os idiotas da subjetividade vão dizer que é assunto da Igreja Católica e ponto final. No direito canônico, o aborto é mais grave que o estupro. Quem é católico que se acomode, e os incomodados que se retirem.

Esse discurso serve a um conservadorismo anacrônico que afasta cada vez mais a Igreja Católica do cotidiano de seus seguidores. É um erro considerar um meio católico ou um mau católico quem apoia a decisão de abortar nas circunstâncias em que se encontrava a menina de 9 anos. Ela pesa 30 quilos. Sua gravidez poderia matá-la. A lei brasileira permite aborto em caso de estupro e quando a vida da gestante está em risco.

Há outro agravante: a menina é de uma região pobre do Nordeste, na qual o peso dos valores religiosos é maior do que em outras partes do Brasil. Uma condenação da Igreja Católica soa a uma espécie de sentença de morte religiosa.

É uma pena que a Igreja Católica tenha abandonado a opção preferencial pelos pobres. O homem que deu início à caminhada dessa instituição milenar teria reparos a fazer à turma de Bento 16.

*

Mais debate

A briga é meio perdida, mas é preciso discutir a ampliação do direito ao aborto num país em que isso é questão de saúde pública. A mulher deve ter o direito de decisão. Legalizar mais amplamente o aborto, com limite até determinado tempo de gestação, não vai obrigar ninguém a tirar filho da barriga.

"O aborto é mais grave que o estupro"?!?!?

Arcebispo diz que Lula deveria procurar teólogos para se expressar com conhecimento.

O arcebispo de Olinda e Recife, dom José Cardoso Sobrinho, rebateu hoje as críticas do presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre sua decisão de excomungar os envolvidos --a mãe e os médicos que realizaram o procedimento-- no aborto da menina de nove anos.

O arcebispo disse que Lula deveria procurar assessoria teológica para falar com mais propriedade sobre o tema.

Lula disse que o arcebispo foi conservador e defendeu os médicos. "Não é possível permitir que uma menina estuprada pelo padrasto tenha esse filho. Até porque a menina corria risco de morte. Nesse aspecto, a medicina está mais correta que a igreja", disse o presidente.

Dom José Cardoso Sobrinho voltou a afirmar neste sábado que os excomungados podem deixar essa condição após se arrependerem e serem absolvidos em confissão.

Ontem, dom José declarou à reportagem que o aborto é mais grave que o estupro, e por isso a Igreja Católica condena o primeiro caso com a excomunhão automática.

A menina de nove anos, que estava com cerca de quatro meses de gravidez de gêmeos, está em um abrigo em local não divulgado com a mãe. O padrasto dela confessou na semana passada ter abusado sexualmente da menina e da irmã dela, de 14 anos, havia cerca de três anos, em Alagoinha (230 km de Recife). Ele está preso desde o dia 27 em Pesqueira, cidade vizinha ao município.

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/folha/cotidiano/ult95u531104.shtml

7 de março de 2009

Comunidade para a Xiguela

Eu vi esta comunidade e pensei na gloriosa Xiguela!!!

Apreciem

5 de março de 2009

Cresce nº de alunos de renda alta na USP, indicam dados

Qui, 05 Mar, 08h20

Mesmo com as ações de inclusão em curso, a porcentagem de alunos de renda alta aprovados na Universidade de São Paulo (USP) aumentou nos últimos oito anos. Segundo dados da Fuvest, tabulados pelo jornal O Estado de S. Paulo, cresceu em 36,4% a proporção dos calouros que declararam ter renda superior a R$ 5 mil entre 2001 e 2009. Já entre os que vivem em famílias que ganham menos de R$ 1,5 mil, a taxa caiu 34%.

No câmpus da zona leste, criado em 2005, o movimento se repete. Hoje, os calouros com as menores rendas são 17,9% e os com as maiores chegam a compor 25,3%. A faixa intermediária teve pouca alteração, sendo cerca de 50% dos alunos. No último vestibular, 40,4% dos aprovados em todas as unidades da universidade estavam entre os mais ricos; 46,9% tinham renda intermediária (entre R$ 500 e R$ 5 mil) e 12,2% estavam entre os mais pobres.

Para o diretor do Fórum dos Cursinhos Comunitários, frei David dos Santos, o problema está no vestibular. "A USP cobra em seu exame conteúdos que só cursinhos caros, que cobram R$ 800 de mensalidade, podem oferecer", diz. A USP propôs no mês passado uma mudança na prova que deve ajudar estudantes de escolas públicas. Poderá deixar de ser considerada a nota da primeira fase na contabilidade geral do vestibular e serem instituídas perguntas de todas as disciplinas na segunda fase, porém em menor número.

A pró-reitora de graduação da USP, Selma Garrido, informou que o Pasusp, que ajudou só 55 vestibulandos a entrar na universidade, será mantido, mesmo sem parceria com a Secretaria de Educação. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

2 de março de 2009

Essa é pra vc R'Emo ...

Jessica Rabbit é eleita a personagem mais sexy dos desenhos animados


Jessica Rabbit, mulher de Roger Rabbit no filme "Uma Cilada Para Roger Rabbit", foi eleita a personagem mais sensual dos desenhos animados.

Cerca de 37% dos britânicos consultados pela pesquisa votaram na ruiva dublada pela atriz Kathleen Turner.

Em segundo lugar, aparece a morena Betty Boop, com 21% dos votos.

Com 10% das preferências, a coelhinha da marca de chocolate Cadbury ficou com a terceira posição.

As outras participantes da pesquisa eram Wilma Flinstone, Branca de Neve, Cinderela e Daphne de "Scooby Doo".

A maioria dos entrevistados assinalou que a vitória de Jessica Rabbit foi baseada em seu corpo, enquanto que uma minoria considerou importantes seus olhos e sua voz.

Aqui